Arquivo do mês: outubro 2016

Seu Olhar

olhar

E depois de tudo… A única coisa que lembro é do seu olhar. Do olhar sedutor, do olhar promíscuo, do olhar faminto. Desse olhar que me deixou constrangida… E “dormente”. Desse olhar que me fez entregar tudo o que eu não sabia que tinha para dar, mas dei. E daria mais toda vez que você me pedisse assim, com esse olhar fixo e obcecado. É esse olhar que busco nas minhas memórias toda vez que penso em você, o olhar de pedinte que me exige resposta e não admite negativas. Esse olhar que me invadiu por completo e que me deu outras possibilidades de amar. Amar sem medo de encarar o seu desejo, através do seu olhar maquiavélico e voraz. E se você me perguntar o que eu quero? Quero que você me olhe. Desse jeito… De novo.